Brasil começa a produzir grão-de-bico para mercado asiático

Excelente notícia !

O ministro da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Blairo Maggi, participou nesta quinta-feira (24), na Fazenda Alvorada, em Cristalina (GO), da colheita da primeira safra de grão-de-bico destinada a suprir demanda feita pelo governo da Índia. A safra é fruto de experimentos coordenados pela Embrapa. “Nós, brasileiros temos uma oportunidade, mais uma vez pela mão da Embrapa, com gente daqui, desta fazenda, de investir, investigar e fazer”, disse o ministro.

A pesquisa desenvolvida em Minas Gerais, Rio Grande do Sul, Goiás, Distrito Federal, Mato Grosso e Mato Grosso do Sul, tem como objetivo avaliar o potencial produtivo de quatro cultivares (duas indianas e duas nacionais) em três diferentes épocas de plantio, abril, maio e junho. “Percebemos uma grande oportunidade que é. Essa mercadoria, quando exigida pelo mercado internacional, deverá ser fornecida por alguém, e nós queremos ser os grandes fornecedores.Temos algum tempo para desenvolver variedades, descobrir quais são as melhores em cada um desses locais”, observou Maggi.

O ministro prometeu “fortalecer regras e normas relacionadas à cultura de grãos, como na área de sementes, que tem exigências sem sentido, declarações, relatórios, e coisas que só fazem gastar dinheiro e tempo”.

Sobre a propriedade que visitou observou o fato de a agricultura ser diversificada, com cebola, alho, cenoura, milho verde, tomate, beterraba, “muito diferente da que estamos acostumados a ver no Brasil e que merece todo apoiamento”… (AGRICULTURA)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s