Embraer e Boeing fecham fusão e Planalto tem agora até 30 dias para se pronunciar

O Governo de Bolsonaro é favorável à fusão entre as duas empresas.

Aguardamos então o posicionamento do governo brasileiro.

EL PAÍS – “A Embraer anunciou nesta segunda-feira, 17, que aprovou junto à fabricante americana de aviões Boeing os termos do acordo estratégico anunciado em julho, que prevê a criação de uma nova empresa no segmento de aviação comercial. A união entre as duas empresas, no entanto, ainda está sujeita à aprovação do governo brasileiro, que detém na Embraer uma golden share – uma ação especial que dá direito a veto em decisões importantes. A partir deste anúncio, o Palácio do Planalto tem o prazo de 30 dias para se pronunciar, o que pode acontecer ainda sob a gestão de Michel Temer ou após a troca de governo”…

Para ler a notícia completa acesse EL PAÍS 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s