Praying for Somalia

 

Já são quase 300 mortos em ataque terrorista na Somália.
Sem pele branca, sem olhos claros, sem comoção na mídia.
Copie e cole no seu perfil. Vamos subir a hashtag #PrayingForSomalia

Exclusivo: União Europeia pede reunião de emergência com o Brasil sobre fraude da carne

Exclusive: European Union calls for emergency meeting with Brazil on meat fraud

That is what it is to contaminate and contaminate a whole sector nationally and internationally.

There come the questionings of the whole world to all of us international trade operators.

Many partners always ask that the Brazilian supplier be of TRUST. Because of these and other events.

We, Brazilian citizens, we apologize to the world for this one.

Quanta VERGONHA Brasil ! 

Isso sim que é sujar e contaminar um setor inteiro nacional e internacionalmente.

Lá vem os questionamentos do mundo todo a todos nós operadores do comércio internacional. 

Muitos parceiros sempre pedem para que o fornecedor brasileiro seja de CONFIANÇA. Por causa desses e de outros acontecimentos.

Nós, cidadãos brasileiros pedimos ao mundo desculpas por mais essa. 

Em entrevista exclusiva ao diretor de redação da Globo Rural, Bruno Blecher e ao jornalista Fernando Andrade, da Rádio CBN, na tarde desta sexta-feira (17/3), o ministro da Agricultura e Pecuária, Blairo Maggi, disse que hoje cedo já recebeu uma ligação do adido da União Europeia no Brasil para uma reunião de emergência.

Maior consumidor mundial da carne brasileira, a UE quer esclarecimentos sobre a operação Carne Fraca da Polícia Federal. Maggi disse que ainda não marcou data, mas o encontro deve ocorrer até segunda-feira…. (GR)

Feliz 2017 !

Happy 2017 !

Que no próximo ano possamos trabalhar mais, empreender mais, fazer cursos de atualização e tudo mais que for necessário para nosso aprimoramento profissional.

Que nossos governos trabalhem em prol do desenvolvimento do Brasil, que tenham compromisso com nosso povo, especialmente com as áreas do Direito afins e do Comércio Exterior.

Que ratifique mais Acordos Comerciais e afins para que a economia volte a crescer.

Que desburocratize sistemas de importação e exportação, de criação e baixa de empresas, que modernize as relações comerciais.

Que faça a abertura de muitos outros mercados para nosso agronegócio e nossa indústria exportadora !

 

 

Crise internacional e problemas internos são causas do desemprego no Brasil

Primeiro de maio é comemorado o dia do trabalho no Brasil. Esse ano com números alarmantes: taxa de desemprego em 10,9%. O aprofundamento do desemprego se deu nos países emergentes, segundo a Organização Internacional do Trabalho, mas no Brasil a situação é mais grave : estamos vivendo uma crise política e uma fiscal muito sérias.

Particularmente no Brasil, Tobin cita a diminuição da demanda externa, em especial da China, e a queda nos preços das commodities (produtos primários com cotação internacional) como fatores que contribuíram para o aumento da taxa de desemprego. No entanto, diz ele, esse cenário acabou revelando fraquezas estruturais do país, como a baixa produtividade. Segundo o pesquisador, o Brasil teve “excessiva confiança” na exportação de commodities durante os anos de prosperidade.

O governo precisa cortar gastos para o emprego voltar no Brasil. O país sofre com a forte desindrustrialização. O Brasil depositou muita confiança na exportação das commodities. Com a crise internacional e a diminuição das importações percebemos a falta de investimento em várias áreas.

O que fazer?

Para ler a notícia completa acesse o link

 

 

 

World Water Day 2016

No Brasil especialmente precisamos lutar pelos nossos rios, lagos, lagoas, florestas. Precisamos preservar a vida, utilizar de cosméticos orgânicos, diminuir o uso de agrotóxicos e fertilizantes que são grande poluidores do lençol freático. 

Nossas leis não são eficientes para a preservação da natureza. Nossos códigos deixam muito a desejar.

O recente caso do vazamento da barragem da Samarco na cidade de Mariana- MG é o mais absurdo e cruel possível. E o que foi feito até o momento para solucionar os inúmeros problemas causados ao meio ambiente e pessoas? 

O Brasil precisa de uma grande reforma !

Sem água não há vida.

Novo Portal de Produtos e Serviços pelo Brasil

Na conjuntura econômica atual fica cada vez mais evidente a necessidade de conectarmos compradores e vendedores como uma forma de auxilio na formação de novos negócios, como mecanismo para manutenção dos negócios atuais e também como mecanismo facilitador do comércio de uma forma geral.

Lembro que quando comecei a trabalhar com comércio exterior no final da década de 90, ainda não tínhamos praticamente nenhum acesso à internet e os contatos comerciais eram feitos de forma bastante reduzida, pouco eficaz e com alto custo, utilizando como principais meios para desenvolver e manter relações comerciais os catálogos telefônicos, catálogos impressos por associações comerciais, anúncios em jornais, participação em feiras de negócios e para algumas poucas empresas com maior capacidade financeira, a utilização de anúncios e comerciais na TV.

Atualmente com o advento da internet, da informática e dos celulares tivemos acesso a meios de comunicação mais eficazes, rápidos e mais baratos, meios que tem transformado a vida de muitas pessoas e de muitas empresas em todo o mundo.

Do ponto de vista das empresas que atuam como vendedoras de produtos e serviços o interesse principal é encontrar novos meios de comunicação para que seus produtos ou serviços sejam divulgados e encontrados rapidamente, com o menor custo de promoção comercial possível.

Do ponto de vista do comprador o interesse principal é encontrar fornecedores confiáveis, com preços bons e que ofereçam produtos e serviços de qualidade.

Pensando em tudo isso, criamos um portal de produtos e serviços pelo Brasil, conhecido como Brazil Trade Club, onde empresas e clientes podem se conectar de forma rápida, simples, barata e segura. Veja abaixo algumas funcionalidades do portal:

Benefícios para o vendedor

Pode cadastrar gratuitamente a empresa
Pode criar um showroom dos produtos e serviços
Coloca ofertas de venda
Mantem contato direto com compradores em todo Brasil
Recebe pedidos de compra
Aumenta a presença na internet

Gera novos negócios

Benefícios para o comprador

Pode se cadastrar gratuitamente
Localiza fornecedores de forma fácil e rápida
Entra em contato com os fornecedores e negocia diretamente com eles
Coloca gratuitamente seus pedidos de compra no site

O Portal é o mais novo facilitador de comércio e pode ser acessado pelo endereço www.braziltradeclub.com

Os leitores e visitantes do blog, poderão fazer de forma gratuita seu cadastro como vendedor Premium (cadastro que oferece todas as funcionalidades).

Ao fazer o cadastro, basta informar no campo convênio, o código PROMOBLOG, completar sua inscrição, confirmar o email e aguardar a atualização do cadastro como vendedor Premium.

Os vendedores Premium podem divulgar todos os dados de contato da empresa, podem colocar uma grande quantidade de produtos e serviços (inclusive fotos) e aparecem em destaque nas buscas.

Também procuramos parcerias com associações comerciais, federações e sindicatos.

Desejamos que o portal seja o mais novo facilitador de negócios pelo Brasil.

Henrique Mascarenhas

 (*) Coordenador do portal – Brazil Trade Club e dos cursos de Comércio Exterior da GS Educacional

 

China replica na América Latina modelo que excluiu povos africanos do próprio desenvolvimento, dizem especialistas

Boa tarde Seguidores, 

Excelente reportagem sobre a situação atual da América Latina. Entrevistados os especialistas Paulina Garzón, Jin Jiaman, Margarete Myers e Alvaro Méndez para o site Diálogo Chino. As commodities são a falência da América Latina. Exportar commodities para a China ! Empréstimos, investimentos, etc. Imperdível leitura !

Para Garzón, “o financiamento chinês tem sido uma peça chave na promoção de um modelo baseado na exportação de materiais primários na região, com consequências catastróficas para o meio ambiente e as comunidades locais”. Ela alerta que o país deverá “considerar os papéis do governo, da legislação e da sociedade civil”… (OPERA MUNDI)

Artigo: Modelo portuário brasileiro está indo a pique

Vamos exportar? Sim, é o caminho.

Mas antes consertar problemas dos portos seria muito importante.

…A precariedade do setor portuário é, há muito tempo, apontada pelos empresários como empecilho à circulação de riquezas por meio de exportações e importações. Filas intermináveis de caminhões e carretas nas rodovias são formadas em razão da deficiência nos planos de movimentação e embarque de cargas bem como da falta de áreas de estacionamento e estocagem adequadas. A falta de dragagem adequada nos canais de acesso impede a atracagem de grandes e modernas embarcações, excluindo o Brasil de relevantes linhas comerciais, sem que se esqueça do já velho conhecido excesso de procedimentos burocráticos… (CONJUR)

Artigo: A profissão de despachante aduaneiro está chegando ao fim?

Artigo do Professor Henrique Mascarenhas da GS Educacional. Boa leitura ! 
Recentemente li uma notícia no site do MDIC que me deixou intrigado e acredito que muitas pessoas que leram a mesma notícia não deram muita importância ao seguinte parágrafo:
As empresas vão deixar de utilizar serviços de despachantes e não vão precisar protocolar documentos físicos com a Anexação Eletrônica permitida pelo portal. A anexação parcial já é disponibilizada pelo Portal Sicomex, que recebe hoje 19 mil documentos eletronicamente todo dia.
Quando li esta parte que as empresas não vão mais precisar usar os serviços de despachantes, veio a seguinte pergunta:
As empresas não vão mais precisar dos serviços dos despachantes aduaneiros para nenhum processo na importação ou na exportação, significando o fim da profissão de despachante aduaneiro em futuro próximo ou a notícia quer dizer que as empresas não vão precisar dos serviços dos despachantes aduaneiros apenas para o envio da documentação necessária no processo de despacho?
Esta é a grande questão que merece ser respondida, pois irá afetar muitos profissionais que dependem da profissão de despachante aduaneiro para sobreviver e vai afetar muitas empresas que contratam os serviços dos despachantes.
Também precisamos avaliar como ficarão os procedimentos de conferência física das mercadorias, os lançamentos de dados no Siscomex / Novoex e outros procedimentos que atualmente quase sempre são realizados por intermédio dos despachantes.
Como estes procedimentos serão afetados através da implementação do Portal Único de Comércio Exterior?
Os despachantes ainda serão necessários para realizar estes procedimentos?
Levando em consideração que poucos ajudantes de despachante foram aprovados nas últimas provas, podemos considerar a possibilidade que o número de novos despachantes aduaneiros não aumentou significativamente nos últimos anos, que este número não está sendo suficiente para suprir o mercado com novos profissionais e que esta situação pode ser mais um fator de risco para o fim da profissão nos próximos anos.
A intenção do governo é boa em facilitar procedimentos e reduzir custos mas penso ser um momento propício para os despachantes aduaneiros levantarem esta questão junto ao governo e penso ser um momento propício para todos os importadores e exportadores avaliarem cuidadosamente estas informações, pois todos serão afetados.
Para quem quiser ler na íntegra a notícia que gerou toda esta reflexão, segue a cópia da notícia abaixo: