Na segunda-feira, o Departamento de Comércio dos EUA finalizou uma nova regra para impor taxas anti-subsídios sobre produtos de países que determinou desvalorizar suas moedas em relação ao dólar, incluindo potencialmente a China.

A medida pode fornecer um novo irritante nas negociações comerciais entre EUA e China, apenas algumas semanas depois que as duas maiores economias do mundo assinaram um acordo comercial de Fase 1, e ocorre um dia depois de Pequim acusar Washington de espalhar o medo sobre o coronavírus de rápida expansão que se originou na China.

Fonte: MERCOPRESS

“The U.S. Commerce Department on Monday finalized a new rule to impose anti-subsidy duties on products from countries that it has determined undervalue their currencies against the dollar, including potentially China.

The move could provide a fresh irritant in U.S.-China trade talks just weeks after the world’s two largest economies signed a Phase 1 trade agreement, and comes a day after Beijing accused Washington of spreading fear about the fast-spreading coronavirus that originated in China.”…