Categoria: Investimentos Page 1 of 19

Brasil e EUA firmam acordos de cooperação em energia nuclear

Para continuar com as atividades das Usinas Nucleares de Angra.

“A Associação Brasileira para Desenvolvimento de Atividades Nucleares (Abdan) e o Instituto de Energia Nuclear dos Estados Unidos (NEI, na sigla em inglês) firmaram nesta segunda-feira (3) memorando de entendimento durante o Fórum de Energia Brasil-Estados Unidos. Na presença do ministro de Energia do Brasil, Bento Albuquerque, e do secretário de Energia dos EUA, Dan Brouillette, foi assinada também foi assinada carta de intenção entre a Eletronuclear e a empresa americana Westinghouse, especializada em energia nuclear.”…

Queda de investimentos no México e tensão social no Chile afetam crescimento da América Latina

O Fórum Econômico Mundial iniciou ontem em Davos e nós vamos acompanhar todas as notícias.

Resultado de imagem para SIMBOLO DO FORUM ECONOMICO MUNDIAL

EL PAÍS

“O México é o exemplo mais claro de uma máxima da economia cumprida à risca: sem investimentos, públicos ou privados, as chances de crescimento são mínimas. E o Chile é a prova de que a instabilidade política e social provocada por um crescimento desigual afeta, e muito, o bom funcionamento econômico. Ambos os fatores nos extremos norte e sul da América Latina pressionarão para uma queda do PIB regional neste ano e no próximo, com crescimentos de 1,6% e 2,3%, respectivamente. Isso significa dois décimos a menos do que foi previsto em outubro passado, segundo as cifras divulgadas nesta segunda-feira pelo Fundo Monetário Internacional (FMI) durante o Fórum Econômico Mundial de Davos. O contrapeso será o Brasil, a grande potência econômica regional, onde o maior dinamismo injetará neste exercício um pouco de oxigênio à atividade da área. Assim, a expansão da economia latino-americana e caribenha será notavelmente maior em 2020 e 2021 do que no ano que termina, quando a duras penas superou 0% (0,1%).”…

Brasil e Alemanha firmam acordo de 40 milhões de euros para apoiar agropecuária sustentável

Excelente ! O Brasil precisa de investimentos em vários setores. 

Para ler a notícia completa acesse AGRICULTURA

“Os governos do Brasil e da Alemanha firmaram acordos de cooperação técnica e financeira para incentivar o desenvolvimento sustentável. O acordo prevê aporte financeiro de 81,9 milhões de euros do governo alemão, sendo 40,4 milhões para projetos vinculados ao Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento.

Representantes dos dois países reuniram-se, entre os dias 27 e 29 de novembro, no Ministério Alemão para Cooperação Econômica e Desenvolvimento (BMZ) em Bonn, para negociações intergovernamentais sobre projetos de cooperação para o desenvolvimento sustentável.

O aporte financeiro será direcionado às seguintes iniciativas: bioeconomia (14 milhões de euros), proteção florestal, recuperação ambiental e reflorestamentos em pequenas propriedades rurais na Mata Atlântica (13,1 milhões), inovação nas cadeias produtivas da agropecuária na Amazônia (7,5 milhões) e implementação do Cadastro Ambiental Rural (5,8 milhões).”…

Brazilian government simplifies participation of foreign companies in public tenders

The brazilian law allows companies located outside the country to participate in bids by presenting documents with free translation. The sworn translation will only be required at the time of signing the contract if the company wins a bid.

In addition, the end of the CNPJ (brazilian company registration) requirement and the requirement to have representation in Brazil, access to the Unified Supplier Registration System (Sicaf) and the English version of Comprasnet should expand the participation of foreign companies in the bids.

ECONOMIA

“Governo simplifica participação de empresas estrangeiras em licitações públicas

O governo federal tem trabalhado para aumentar a concorrência e melhorar a qualidade das licitações do país. A partir da próxima segunda-feira (28/10), as empresas estrangeiras terão mais facilidades para participar das disputas, com a entrada em vigor do Decreto 10.024 de 2019, que rege a realização do Pregão Eletrônico.

Desburocratização para que o estrangeiro participe das licitações no Brasil

“Atualmente as empresas estrangeiras já podem participar de licitações no Brasil, mas há alguns procedimentos que dificultam”, explica o secretário de Gestão do Ministério da Economia, Cristiano Heckert. “E é exatamente isso que estamos desburocratizando. Criar condições equilibradas de concorrência poderá trazer produtos e serviços com mais tecnologia e economicidade para a administração pública”, justifica o secretário.

O decreto permite que empresas localizadas fora do país participem de licitações mediante apresentação de documentos com tradução livre. A tradução juramentada só será exigida no momento da assinatura do contrato, caso a empresa vença  licitação.

*Além disso, o fim da exigência de CNPJ e da obrigatoriedade de ter representação no Brasil, o acesso ao Sistema de Cadastramento Unificado de Fornecedores (Sicaf) e a versão em inglês do Comprasnet  deverão ampliar a participação de empresas estrangeiras nas licitações.”…

Ponte entre Porto Murtinho e Carmelo Peralta (Paraguai) vai permitir acesso ao Pacífico

É super importante o acesso ao Pacifíco para o Brasil !

“A construção de ponte entre Porto Murtinho (MS) e o distrito paraguaio de Carmelo Peralta, que permitirá o acesso do Brasil a portos do Oceano Pacífico foi destacada pela ministra Tereza Cristina (Agricultura, Pecuária e Abastecimento), depois de reunião realizada com o presidente do Paraguai, Mario Abdo, e demais autoridades de governo na manhã desta terça-feira (9).

Em viagem ao país, com equipe do ministério e o governador do Mato Grosso do Sul, Reinaldo Azambuja, estado que faz divisa com o Paraguai, a ministra declarou que a ponte é “importantíssima para a agricultura brasileira, para a do Paraguai, para o bloco (Mercosul) e toda a região”.

Orçada em US$ 70 milhões, a ponte será construída pela Itaipu Binacional no Paraguai, com conclusão prevista para 2023. A obra integra a Rota Bioceânica e permitirá o acesso rodoviário ao Pacífico em 1.400 quilômetros. A fase atual é de licitação do projeto e da fiscalização”…

Para ler a notícia completa acesse AGRICULTURA

Opening foreign subsidiaries in Brazil will fall from 45 to 3 days

Excelente !

“O prazo para empresários estrangeiros conseguirem obter autorização do Governo Federal para abrir uma filial no Brasil será reduzido de 45 para apenas três dias. A redução se tornou possível com a publicação do Decreto 9.787/2019 no Diário Oficial da União (DOU) desta quinta-feira (9), que passou para o Ministério da Economia (ME) a competência para autorizar o funcionamento no país de sociedade estrangeira.

O decreto permite que o Departamento Nacional de Registro de Empresas e Integração (Drei), integrante da estrutura do ME, seja a instância responsável pela análise da documentação e pela emissão da autorização para abertura de filiais no Brasil antes do registro na junta comercial. A subdelegação deve ser feita nos próximos dias. Desde 2016, a autorização estava sob responsabilidade da Casa Civil da Presidência da República”…

Para ler a notícia completa acesse ECONOMIA 

China pretende ampliar investimentos no Brasil

Esperamos que o Brasil receba muitos investimentos nos próximos anos e que faça todas as reformas, aprove todas as legislações necessárias para que isso aconteça.

Por José Romildo – Repórter da Agência Brasil Brasília

“Empresários chineses estão interessados em conhecer e participar de novos investimentos no Brasil, especialmente no setor de obras e projetos de infraestrutura, disse hoje (27) o embaixador da China no Brasil, Yang Wanming, durante o Fórum de Think Tanks (expressão em inglês que significa incentivar a expressão de ideias e projetos) China-Brasil.

O evento, realizado na Embaixada da China, em Brasília, discutiu as oportunidades de negócios existentes no Brasil, que podem ser integrados à Nova Rota da Seda, programa de investimentos chineses previsto para as próximas três décadas. O programa engloba financiamentos de centenas de bilhões de dólares”…

Para ler a notícia completa acesse EBC

Brasil precisa dobrar aporte em infraestrutura em 20 anos para atingir média global, diz BNDES

O Brasil precisa criar ambiente para a iniciativa privada urgente !

EBC “O Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) apresentou, nessa quinta-feira (25), um estudo que mostra que o Brasil precisa dobrar seu aporte para infraestrutura nos próximos 20 anos, atingindo 4,7% do Produto Interno Bruto (PIB), para se igualar à média global.

Mas, de acordo com o presidente do banco, Joaquim Levy, isso depende da criação de um ambiente mais favorável para a iniciativa privada e de reformas que liberem recursos para o governo voltar a investir, como a da previdência”.

Para escutar a reportagem completa acesse EBC

Banco do Brics investirá US$ 621 milhões em projetos no Brasil

Excelente notícia ! Precisamos de tantos investimentos !

EBC “O Brasil receberá US$ 621 milhões do Novo Banco de Desenvolvimento (NBD), instituição financeira criada em 2015 pelo grupo formado por Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul, o Brics. Nos três primeiros anos de operação da instituição, foram aprovados quatro projetos brasileiros que abrangem as áreas de energia renovável (eólica, solar e hidrelétrica), construção de estradas, reconstrução de rodovia férrea, esgotamento sanitário, telecomunicações e refinarias da Petrobras. Os dados são do estudo Arquitetura Financeira Conjunta do BRICS: o Novo Banco de Desenvolvimento, lançado (17) pelo Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea).

O estudo estima que o deficit de investimentos em infraestrutura nos países em desenvolvimento seja de US$ 1 trilhão e US$ 1,5 trilhão por ano. Criado para oferecer crédito a projetos de infraestrutura e desenvolvimento sustentável nos BRICS e em outros países em desenvolvimento, o NDB aprovou, entre 2016 e 2018, 30 projetos num total de US$ 8,1 bilhões. Segundo a pesquisa, quase um terço do valor se destina a financiamentos no setor de transporte, enquanto 26% é direcionado à energia limpa. Além desses setores, o banco também é voltado para projetos contemporâneos nas áreas de mobilidade urbana e rural, eficiência na oferta e uso da água, proteção contra enchentes, infraestrutura (social e urbana) e produção limpa (atividades poupadoras de emissão de CO2)”…

Para ler a notícia completa acesse EBC 

Estatal espanhola fica com aeroportos do Nordeste em leilão positivo para Bolsonaro

The Government Jair Bolsonaro celebrated this Friday the result of the auction of privatization of 12 airports from Brazil.

EL PAÍS “O Governo Jair Bolsonaro comemorou nesta sexta o resultado do leilão de privatização de 12 aeroportos, que superou a outorga estipulada pela gestão que era de 2,1 bilhões de reais. O ágio foi de 986% e ao todo 2,38 bilhões de reais foram arrecadados na operação. O certame mostrou o apetite internacional no programa de privatizações do Planalto, uma das apostas para a recuperação da economia. Os estrangeiros, alguns estreantes no mercado brasileiro, foram as estrelas do leilão”….

Para ler a notícia completa acesse EL PAÍS 

Page 1 of 19

Desenvolvido em WordPress & Tema por Anders Norén