Para evitar tarifa europeia, Harley-Davidson transfere parte da sua produção para fora dos EUA

O que o Presidente dos EUA esqueceu foi : os efeitos colaterais.

Donald Trump diz que a sobretaxação às importações de aço e alumínio ajudará a indústria norte-americana. O que talvez não calculasse era o efeito das represálias de seus sócios comerciais. A Harley-Davidson, uma das primeiras corporações a clamarem ao presidente para que evitasse a confrontação por causa dos seus danos colaterais, anunciou que se vê obrigada a transferir parte da produção para fora do país, a fim de “aliviar” o efeito do imposto alfandegário europeu.

Para ler a notícia completa acesse: EL PAÍS

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *